A evolução dos medicamentos permite manter sob controle a maioria das doenças mentais, causadas por distúrbios fisiológicos no cérebro. Em casos graves, no entanto, pode haver necessidade de internação psiquiátrica. Ela é necessária para reduzir o risco de suicídio e atos violentos

 
 
Leitos Hospitalares

O Ministério da Saúde fechou 70% das vagas para internação em 20 anos. Em 1989, eram 120 mil. Hoje, são 37.700. Veja a distribuição delas pelo país – por 1.000 habitantes